24 de ago de 2010

TNTema - anos 80
























17 comentários:

J. DAVID LEE disse...

Meus sentimentos para o seu tio.

Também morei em rua de terra, vendo minha família e meus vizinhos construírem suas casas. Também assisti live-actions na tv... Jaspion, Changeman, Flashman, Jiraya, Metalder... também tive um cachorro chamado Fred. Ele ficou esperando pelo nosso retorno no portão quando viajamos para Cajazeiras-PB, mas nunca mais chegamos a vê-lo... e comecei a desenhar pois não saia muito na rua... que era de bairro, e ficava numa periferia. Carapicuíba. Abração, Roger.

André Toma disse...

Tinha certeza que esse tema renderia ótimas lembranças...
Que legal, Roger.
Também tive uma Laika. Meu tênis favorito na época era o Kichute que gostava de amarrar 'trançado' nas canelas. Minha mãe gostava de me dar aquelas botas UStop e sandálias Xereta...
Cara, os desenhos, vc citou todos que eu curtia, quase numa mesma ordem de preferência...Só colocaria o Spectreman em primeiro.
Enfim...demais, tudo! O desenho, o texto e as lembranças...

Meus sentimentos pelo seu tio...

Grande abraço!

Roger Cruz disse...

Spectr"E"man.
Valeu, Toma.
Essa passagem é quase parte daqueles textos que fazia para o site... Os Fragmentos.
Eram textos sobre a minha infância e adolescência.
E eram exercícios literários que ainda pretendo fazer em formato hq.
E parabéns pela linda família!
Abração, sócio! :D

David,
Legal que vc se identificou.
Tudo é história.
Se vc encontrar o jeito certo de contar, o seu ponto de vista, a sua pegada, etc... vira HQ.
Ou filme ou livro, etc, talvez.
Valeu pelo comentário.

Abração.

E obrigado a todos os outros comentários.
Valeu mesmo.

Abraço.

Roger

guto disse...

E linda a arte!!! Roger, olhando teus desenhos da vontade de rir e chorar ao mesmo tempo, fico meio retardado...demais...

DanielHDR disse...

Bah, muito massa!
Adorei a aquarela... não tinha visto ainda um dos Ultras no teu traço! Ficou lindo!

Fabiano disse...

Antes de mais nada, condolências pelo seu tio.
Agora, algo me diz que você também passava as tardes vendo a TV Record, aqui em Sampa! Eu via tudo isso que você falou, também!
Bons tempos...

Gilberto Queiroz disse...

Fala, Roger! Grandes lembranças! Correndo o risco de não ser original, digo que tb tive uma infância assim. Hoje é bem diferente pra molecada. Tb tive Kichute, ruas de terra; o chato era quando chovia e deixávamos aquele lamaçal debaixo da carteira escolar, kkk. Valeu por trazer essas memórias,
O desenho ficou muito bom.
Abração,

achegadadoge disse...

Nostalgias são sempre bem vindas!
Gosto muito de seus trabalhos!!
Meu marido toca tdos estes sons de tokusatsu. Ele tb vai gostar mto do post.

God bless you :]

Cafaggi disse...

Massa demais, cara! Também tive um pastor quando era pequeno. Ele chamava Valente, também era meu companheiro na hora de brincar de He-Man, Homem-Aranha ou Thundercats e também tivemos descendentes dele até bem pouco tempo atrás. Teu desenho me deu vontade de ir agora mesmo olhar meus antigos álbuns de fotos.

RB Silva disse...

Muito bacana!! =]

Eduardo Schloesser disse...

Roger, muito bonita a homenagem ao seu tio, e ela não poderia vir de forma mais tocante que não fosse o de um desenho tão expressivo, como aliás são todas as suas artes.
Talvez por ser mais velho, eu curtia Nacional Kid e Ultraman (Haiata). Só tive uma cadela pincher e nunca quis ter um kichute, o chulé que deixava era de matar. No mais...
Em tempo, adorei o Xampu. Parabéns. Que venham outros.
Abração.
http://eduardoschloesser.blogspot.com/

BrunoRFrança disse...

Legal sua história cara, eu nasci em 1980,quando eu era criança meu avô tinha um pastor alemão chamado comanche(dava medo) .. de alguns dos desenhos e das séries citados eu lembro, mas meus sentimentos por seu tio Jade, que com certeza teve um papel fundamental na sua vida (e por que não dizer na sua carreira), e parabéns pela arte, continue sendo esse cara humilde que é isso que te faz grande Roger,

abraço.

Obs.Pq os cães sempre se chamam rex ou laika ? né não rs.

BF

Anônimo disse...

Demais o desenho. Meus sentimentos. Ultraman era minha série super sentai favorita tb. Era muito fã do Hayata, rsss.

Denny disse...

Meu!Também tive kichute, um cão chamado laika e assistia Ultraman, ótimo desenho e belas recordações,
Abraço.

Paulo disse...

É meu amigo, a vida é assim... quem fica tem que conviver com a lembrança dos que foram e fizeram parte da nossa vida. Todos os personagens que citou também fizeram minha alegria na adolescência e deixaram lembranças.

"Até você já veio na minha casa" Numa dessas tardes que a gente nunca esquece um amigo de nome de apelido "Hans" aparece com você e seus desenhos aqui em casa, pura alucinação, um desenhista de verdade aqui em casa!! Depois fomos assistir um Filme do Faith no more no cine elétrico. Lembra?

Camilla disse...

Meu Deus do céu, que coisa maravilhosa! A conversa do texto com a imagem, a lembrança, as palavras, a intertextualidade. Arrepiou!

Mussarela disse...

Muito loko!